quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Bom dia!




Me acorde que já nem sei que horas são, o galo já deixou de cantar e eu aqui a cochilar, o sol brilha que nem farol no meio do mar, e os meus olhos acomodados na escuridão estranham.
E o cheiro, e o café, e o banho gelado que deixa o cabelo molhado e um perfume no ar, logo saio pra trabalhar.


Um comentário:

Lu disse...

Você também viu o sol nascendo no mar?
que tambéeeeem...
foi lindo né?

O que foram aquelas gaivotas gritando "zeeeeero" então?
sensacional!